02 setembro, 2011

diálogos do coração

-quero perguntar-te uma coisa
-sempre que quiseres
-o meu cheiro está no teu?
-desde que deixei de ter saudades tuas todas as noites
-como assim?
-todas as noites eu vivia de sufocos. queria-te ali,perto de mim como a lua está para a terra. na realidade,os sufocos eram apenas pela falta do teu calor,a falta do teu cheiro que costumava viver em mim e que eu perdi. Mas hoje, desde que me perdoei,consegui recuperar tudo de volta. sinto-te ali mesmo sem estares. estou tranquila,mais do que nunca.
-e o meu cheiro que recuperaste...mudou para melhor?
-sempre foi o melhor. mas hoje,sim,sem arrependimentos. sem angústias. permanece em mim sem pressas,vive comigo. ficou calmo como eu.
-mas sabes,isso quer dizer mais do que tu julgas
-eu sei que quer,eu sei. significa que te perdoei também. significa que apesar de desencontrados, seremos sempre duas cordas iguais que cada ponta se encaixa. 

12 comentários:

mary disse...

isto inspira-me. adoro, e sabes, vou adorar sempre.

maria gabriella disse...

tão bonito :o

mary disse...

olha, já te aceitei. és linda joaninha.

RuteRita disse...

A-D-O-R-O joana !

ines disse...

sempre cheia de amor, sempre, sempre

sónia disse...

gostei :)

Maria Filipa disse...

está uma maravilha *

Sofia Moreira disse...

lindo joana :)

annie disse...

gosto tanto, tanto tanto!

Mafalda disse...

A ti também te dava um beijinho Joana. Depois disto, depois disto arrepiei-me.

Helena disse...

Gostei mesmo muito.

beatriz disse...

Não não joana, é do we heart it :)