29 agosto, 2011

e é desta que eu espero encher os bolsos. um encho eu,outro enches tu. e quando acharmos que tudo o que enchemos nos bolsos,passou para o coração,paramos. deixa-te ficar por agora,na cadeira que fiz para ti. espero que te sintas confortável e enchas a casa,apenas com a tua presença. os pássaros cantam lá fora, as flores voltaram a nascer. e somos só eu e tu,somos nós os dois. viver do amor que vamos encontrando nos cantos da casa,viver para renascer. dou-te um sorriso agora,e nada mais. por agora,diz o tudo. 

13 comentários:

Sofia Moreira disse...

adorei joana! lindo!

ines disse...

ai joaninha, joaninha

cláudia disse...

está mesmo lindo joaninha (:
fico feliz por vocês *

inês disse...

deixas-me feliz com os teus comentários, sabes?

ana moura disse...

que bom que é viver do amor. sabes, é bom. por mais que pensem que não, e é saudável, encontra só o meio termo, e o certo. e sabes, que bom que é ter-te de volta!

ana moura disse...

sinto-te bem, estou certa?:')

ana moura disse...

que bom que é saber isso.

inês disse...

vou continuar, com certeza. muito obrigada joana

RuteRita disse...

adorei joana !
pois, não está nada demais. notei isso

beatiz disse...

- gostei :)*

Ari* disse...

'viver para renascer' *.* lindo

RuteRita disse...

normalmente, não é as reacções que tens acerca dos meus textos entendes ? fiquei, um pouco, surpreendida. sim é verdade... vou tentar passar mais tempo cá (;

RuteRita disse...

nao é normal que por vezes nao gostes e nao há mal nisso (;