16 dezembro, 2010

cada vez gosto mais do silêncio. Talvez mais do que o barulho agradavel e as musicas calmas.
o meu silêncio diz-me algo. Não sao palavras, são prazer e sensações. Aprendi a viver com ele e a adorá-lo da maneira que só eu conheço. E há momentos, em que todo ele é a minha salvação

2 comentários:

RuteRita disse...

obrigada*
aiii adoro mesmo

s. disse...

adorei querida *