28 junho, 2011

És como a planta do meu quarto. No primeiro dia em que a trouxe,estava tímida. parecia que se tinha recolhido e perdido a cor. No segundo dia,terceiro,continuou. cada vez mais. Fiquei de pé atrás e pensei que talvez fosse da luz do meu quarto,que era quase inexistente. talvez não lhe desse o suficiente. Mudei-a de lugar. Coloquei-a junto à minha cama,na mesa de cabeceira, perto da janela. Logo nessa noite,voltei a ver as folhas a abrir,os ramos a subir e a ganhar um sorriso. moldei a terra,personalizei o vaso, e nunca lhe retirei uma única folha. E por isso eu digo, revi-te ali. Quando chegaste à minha vida, recuas-te. Logo depois do meu olhar de confiança,olhar de algo mais,escondeste-te. Sentias que te tiravam algo,algo só teu. e eu percebi,porque também já fui assim. Decidi deixar-te à tua vontade, no teu piso certo,o teu piso de segurança. Decidi que por enquanto,devias ser só tu. E ao mesmo tempo,fui dando uns toques ligeiros para nunca deixares de reconhecer o meu cheiro,os meus bocadinhos. Deixei que cometesses os erros,deixei que eles se implantassem. Nunca em mim,só em ti. E com isto,voltaste. Achas-te que eu podia ser mais uma das tuas folhas,a maior. e eu deixei ficar-me assim. Voltaste a ter a graça que tinhas,a confiança que me deu prazer em conquistar. E até agora,continuas a crescer. tenho-te mudado os vasos para a vista não se cansar. Tenho-te retirado o mínimo das folhas,só aquelas que tu já nem dás conta mas eu tenho mão nelas. Só assim,aprendi a ter. passo a passo,tu e eu. tu com a tua cor,eu com a minha. E que no fundo,quando se juntam, vê-se a melhor recompensa. 

11 comentários:

lisa disse...

Gostei muito da comparação :)

Anónimo disse...

quem diria que se poderia comparar a uma planta. contudo, está lindo! *.*
http://ruteritamaia.blogspot.com

annie disse...

que bonito, joana. comprei sim, era o único que havia, foi uma sorte mesmo. do que já li, que foi um bom bocado, estou a adorar. acho que promete.

Inês disse...

Identifiquei-me tanto com este texto que nem imaginas. É bom ler coisas maravilhosas como esta, quando se está a passar por uma fase má. Adoro este teu espaço. Reconforta a alma.

sónia disse...

oh, está tão bonita, a comparação. gostei imenso do texto :)

Inês disse...

Não foi nada, só disse o que sinto. Gosto mesmo disto. Vou continuar a visitar-te, de certeza.

carina, disse...

está tão bonito doce

Amêndoa disse...

obrigada eu! :)

ana moura disse...

que maravilha! se soubesses como me enches o coração com as tuas palavras

RuteRita disse...

adorei, adorei msmo !

Mafalda disse...

Que bonito joaninha, bonito como tu, mesmo ao teu jeito:)

Já comecei o notebook x)