26 abril, 2011

o teu sabor,o teu cheiro.

há coisas que acontecem. há coisas que deixamos acontecer. no fundo,queremos tanto que nem sabemos, queremos mais do que alguém. e só depois de acontecerem,tomamos o devido reconhecimento. tornam-se no que nos faz bem, transformam-se em certezas, transformam-se em pequenos sabores,em pequenos cheiros que encaixam no que as trouxe até nós. mas elas ás vezes viram-se de pernas para o ar,não sabem resistir. começamos a andar de cima para baixo com a esperança de as encontrar de novo,com a esperança de não lhe perdermos o sabor e o cheiro. nunca te disse,mas acho que fui assim. uma louca nata para que nunca perdesses o teu jeito. para que não fosses simplesmente acontecer na minha vida,mas sim persistir. não vires como o vento e ir com ele,mas sim prenderes-te a mim como o meu coração está preso ao nosso lugar. nunca te disse porque se dissesse,o meu mundo de ilusão e de construção caia sobre mim. sabia que eras mesmo um acontecer,mas não queria que o fosses. nunca estivemos em sintonia,enquanto vinhas com o vento eu não estava por inteiro,enquanto eu te quis por mais de metade tu já te preparavas para fechar qualquer porta aberta que eu pudesse espreitar. fui sempre um chance pouco duradoura mas tu,enquanto te descobria o sabor e o cheiro que deixavas no meu mundo de ilusão, ias deixando os teus vestígios um a um,que agora são o teu todo,o meu todo e são a minha caminhada contra o vento que te levou. 

10 comentários:

marta disse...

perfeito, aqui há sempre qualidade :)

ana minhalma disse...

adoro o que escreves :)

marta disse...

finally :D

marta disse...

e o que me faz perdoar é saber que é inconscientemente, porque eu não sei perdoar muito bem...nunca me esqueço de nada, não consigo esquecer e às vezes, é um grande problema :\

Mafalda disse...

Está lindo Joana, mesmo lindo*

marta disse...

pois faço :)

tânia. disse...

tens toda a razão ...

Cláudia Cristina disse...

não há razões para não gostar, escreves bem demais <3

your love is my name disse...

AMEI (:

marta disse...

obrigada jo, já passou :)